LOVE

Quando você lê a sinopse falando de uma série de comédia romântica em que o nerd esquisitão se apaixona pela garota linda e descolada já te vem em mente aquele clichê todo que já estamos acostumados, né? Love é assim, mas diferente.

Há sim o garoto nerd, há sim a descolada, mas me parece que o intuito de Judd Apatow não foi mostrar como magicamente a pessoa desapegada que vive mil experiências, fala com todo mundo e pode namorar com quem quiser escolheu logo o nerd esquisito. Parece-me mais uma analogia de que no amor não tem regras. Ele pode gostar dela – mas não tanto assim. Ela pode gostar dele – bastante tanto assim. Onde tudo dá errado, mesmo dando certo, sem eles perceberem.

O nerd Gus e a ‘’fala o que quer’’ Mickey, compartilham experiências amorosas desagradáveis sem esperar que a partir disso nasça uma pontinha de sentimento e envolvimento entre ambos. E quando acontece, os dois parecem não estar preparados mais uma vez, mas e daí, quem está? 

Ela se apega demais, e ele não tão intenso como ela. Algo normal, pois as pessoas normalmente aprendem a gostar das outras de maneiras diferentes na vida real, às vezes as coisas demoram pra acontecer. Cada um da sua maneira, suas manias, personalidades. Não há regras.

A garota aparentemente foda e bem decidida, é no fundo muito mais frágil do que a gente pensa, e Gus, aparentemente bonzinho é muito mais foda-se que a gente pensa. Parece meio confuso, mas quando você assiste dá para entender bem a essência da história e acaba não sabendo como lidar com esses dois. <3

A primeira temporada tem dez episódios bem rapidinhos, e eu espero que em breve a Netflix lance a segunda para vermos o que acontecerá com este casal doido que quem assistiu já aprendeu a amar. 
Já assistiu a série? Quero saber opiniões sobre ♥.
snapchat – meurrelicario | Instagram | twitter | facebook & facebookpinterest

Bons ventos! 

12 comentários

  1. Oi, Stéfhanie! Eu ando tão ocupada com a faculdade que não ando com tempo nem vontade de começar seriados novos, mas quando vi esse Netflix, me interessei porque gostava muito dessa atriz em Community. O problema é que li umas críticas tão duras à série que fiquei com o pé atrás - você foi a primeira que elogiou Love! Quando acabar a faculdade acho que darei uma chance e assistirei uns dois episódios pra ver se gosto. Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Nem sabia dessa série, até então. Parece legal, apesar da minha tendência a fugir de comédias românticas, haha

    ResponderExcluir
  3. Ainda estou meio com pé atrás sobre essa série, li algumas críticas que me fizeram pensar que eu não gostaria tanto assim dela. Mas quem sabe não seja questão de tentar, né?
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  4. Eu ainda não assisti, passei por ela várias vezes, mas acabei escolhendo outras para ver e nem sei porque, mas pelo seu post fiquei curiosa :)
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi, Ste! Eu assisti o piloto e não me pegou muito. Vi um post falando sobre o relacionamento deles ser abusivo e também fiquei meio encucada. Mas vou tentar de novo depois dessa sua indicação. :)

    ResponderExcluir
  6. comecei o primeiro ep dessa série e não consegui terminar, pq achei meio sei-lá, não sabia decidir se estava gostando ou não, haha. gostei da sua resenha, pretendo dar mais uma chance pra série, mas vai demorar um pouquinho, haha.

    ResponderExcluir
  7. Melhor série! hahahha e sua resenha ficou maravilhosa amiga. Mesmo assim ainda acho o Gus bem babaca por parecer com ~~~certas~~~ pessoas. Vi que o Netflix vai lançar a 2° temporada só em 2017 ): mas vai valer a pena a espera, tenho certeza <3

    ResponderExcluir
  8. Tava relutante em ver essa série porque achei que era meio mais do mesmo, mas fiquei curiosa depois do seu post! Acho que vou ali, já, dar uma chance pra ela...

    ResponderExcluir
  9. que amorzinho ♥
    estou acabando greys anatomy, e estava pensando qual seria a próxima. acho que vou considerar essa.

    ResponderExcluir
  10. Caraaaa eu terminei a primeira temporada e estou APAXIONADA! Quando eu comecei, pensei que ia ser esse clichê "garoto nerd tem sorte com garota descolada". Mas o desenrolar ficou muito BOM, diferente e possível. Acho que deram um chega pra lá nesses clichês CHATOS de tv americana.. Eu ameeeeei! Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi Sté, ai eu ainda não tive o "clique" de clicar play nessa série! Sua resenha me fez repensar isso um pouquinho, mas ainda assim acho que não vai ser o estilo que eu gosto... :( Mas se eu assistir, volto aqui para te contar hahahaha
    Beijos!!
    Blog Amanda Hillerman

    ResponderExcluir
  12. Eu assisti essa série toda no mesmo dia e gostei mas não gostei.
    Quer dizer, gostei muito.
    Mas achei que no fim ficou mais do mesmo: a gata que supostamente é toda cool e amor livre fica meio obcecada e é "doida" e o gato que é nerd e todo mimoso e preocupado com ela é um otário como qualquer outro homem ahahhaha sei lá.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e pelo comentário.
Deixe sua URL junto ao comentário para que eu possa retribuir o carinho em seu blog! ♥