FRODO, O CACHORRO

Desde que nossa antiga cachorrinha faleceu, há uns dois anos atrás, não fazia parte dos planos da família ter outro cãozinho, mas os bons ventos fez com que essa vontade mudasse quando minha amiga comentou que seus amigos queriam doar um cachorro da raça pug. No começo fiquei um pouco receosa, pois todos em casa trabalham/estudam e ele teria que ficar maior parte do dia sozinho, mesmo que meu pai faça horário de almoço em casa e minha mãe chegue as 16hrs, dá um apertinho ter que deixar o bichinho sozinho.

Pesquisei bastante, conversas vai e vem com a família, com Allan, e decidimos que ficaríamos com ele; até que umas semanas depois, tristemente eu recebo a notícia que os donos haviam desistido da doação. Foi muito ruim, pois já sentíamos uma sensação de vazio mesmo sem ele ter chegado (e partido). Chorei muito e assim chegamos à conclusão de que mais do que nunca, precisávamos de um bichinho e como a ideia inicial era adotar um pug pelo seu comportamento dócil e calminho para viver dentro de casa, era quase certo, teríamos um.
Frodo é o terceiro. <3
Allan me encaminhou a foto que o canil havia enviado do Frodo e de seus irmãozinhos e foi ali que comecei a chorar, mas agora de alegria. No outro dia ele já estaria conosco, e o universo provando que as quintas-feiras sempre vai nos surpreender.


Frodo é um serzinho elétrico, mas ninguém se cansa de ficar seguindo seus passos pela casa. Agora só pensamos em ir embora logo para poder vê-lo, brincar e poder sentir seu bafinho de café com leite (sim!!). Acordo várias vezes durante a noite só pra checar se ele está dormindo confortavelmente, e faço questão de acordar meia hora mais cedo todos os dias só para poder brincar um pouco antes de sair para o trabalho, e não fico com sono por isso, saio até mais animada, mais feliz. Allan sofre por morar longe e não conseguir vê-lo todos os dias, e sempre quando acorda, liga e pergunta “e nosso neném?” hahaha.

É uma nova rotina, mas sem monotonia.

A gente dá beijo mesmo sabendo que ele vai morder nosso nariz – ele não gosta muito de beijo. E tiramos todos os chinelos e sapatos do chão, porque em qualquer descuido, sua caminha estará preenchida por todos eles. Qualquer trabalho não é trabalho, é prazer. Eu, minha irmã e Allan ficamos discutindo pra ver quem vai limpar suas dobrinhas, passar lencinho umedecido nas patinhas e pedir desesperadamente para ele se sentar – esse comando ele só obedece a mim, mas todos ficam com os olhos brilhando quando o faz. Agora Allan até se arrisca em recolher o cocozinho dele (evolução!!).

Sem sombra de duvidas, o Frodo preencheu todo o vazio de casa, e consequentemente, nos uniu. Porque agora todos pensam juntos nas melhores maneiras para ele ficar, nas brincadeiras, nos cuidados e na atenção.. E recebemos em troca umas mordidinhas no queixo, na barba (no caso de papai Allan), na orelha, no nariz, nos dedos e umas lambidinhas na bochecha. Também faz parte do pacote uma carinha de dó, linda de morrer, e umas dobrinhas de gordura que só vendo.

E no fim, tudo que fazemos não é nem uma parcela para retribuir o carinho e amor que só os cães sabem nos proporcionar. 
Todo esse amor que o Frodo trouxe pra gente.  

  
snapchat - meurrelicario | Instagram | twitter | facebook & facebookpinterest 

9 comentários

  1. Que coisa mais fofa! Tenho uma schnauzer de 6 anos, mas pra mim ela sempre vai ser um bebê, sabe? hahaha Estamos pensando em arrumar outro cachorrinho, com seu post fiquei com vontade de ter uma pugzinha pra mim. hahah Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Que post mais cheio de amor *O*
    ameeei o Frodo, acho lindíssima essa raça <3
    Faz tempo que não visito seu blog, ele está mais lindo do que nunca :))

    ResponderExcluir
  3. que FOUFURAAAAAAAAAAAAAAA <3
    lindo lindo! olha que esses pequenos se tornam parte de nossa vida de uma forma inexplicável. Esses dias eu sonhei com um apocalipse zumbi e o único ser que sobreviveu comigo foi a LOLO minha gatinha amada que eu carreguei nas costas o sonho tooooooooooooodo. hehehe olha o medo de perder ela.

    são como filhinhos lindos; E o frodo parece ser uma doçura........

    ResponderExcluir
  4. Annnnnn eu sei como é essa sensação esses bichinhos são como filhos.
    Passei por uma grande tristeza quando ganhei uma cachorrinha labrador filhotinha e por morar em casa alugada não podemos ficar com ela, doar ela foi terrível. Mas que bom que conseguiu o Frodo, esses bichinhos nos transferem um amor tão grande, não é? eu nem sei explicar. A unica coisa que sei é que dá vontade de apertar muito.

    ResponderExcluir
  5. Que lindo o Frodo. Um bichinho traz muita felicidade para a casa. Sábia decisão a sua :)
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Que coisinha mais linda, Sté! Sei bem como é esse sentimento: nossa cachorrinha não durou nem 48h na casa, pois eu e minha irmã tivemos uma alergia fortíssima. É incrível como a gente se apega a esses animaizinhos!

    Que o Frodo leve muitas alegrias pra sua vida =~)

    ResponderExcluir
  7. Eu tenho alergias e não posso ter animais em casa, mesmo assim , minha família tem um gatinho e é l amor deles! Animais são super amigos! Frodo, muito fofo!


    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Ai gente, esses pugs são tão tão tão fofinhos e engraçadinhos, amo muito! Hahaha Que bom que no final deu tudo certo, a melhor coisa é ter um bichinho em casa pra alegrar nossa vida, né? Tb passei por isso de perder meu cachorro, tinha o Lippy desde os 7 anos e ele viveu comigo até os 23 - depois disso minha mãe não queria mais, mas depois de um ano adotamos uma gatinha (e seis meses depois, um gatinho pra ser o irmão dela, haha) foi a melhor coisa, hoje é só alegria em casa <3

    ResponderExcluir
  9. Que lindinho, me identifiquei tanto com post, porque sempre quis ter um animalzinho, faz tempinho que perdi meu gatinho e foi muito triste para mim, de uns tempo para casa ficava com a ideia fixa de que queria outro amiguinho, pois sentia muita falta, isso aconteceu esse ano eu fiquei tão feliz, haha meu billy é da mesma raça que o frodo são tão fofinhos, ter um animalzinho é uma das melhores coisas hehe.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e pelo comentário.
Deixe sua URL junto ao comentário para que eu possa retribuir o carinho em seu blog! ♥